4 dicas para arranjar emprego

A procura de emprego nem sempre é fácil porque, se fosse, é certo que não existiria tanto desemprego nos dias que correm.
Ainda assim, existem alguns métodos que o podem ajudar a encontrar um emprego de forma rápida e que, certamente, ainda não experimentou.
Tendo isto em conta, neste artigo poderá encontrar mais algumas ideias e alternativas ao seu sucesso.

Tenha sempre presente que, independentemente de este se tratar do seu primeiro emprego, ou de um novo, o importante é que se mantenha sempre ativo e atento, que não baixe os braços e que arrisque, sem qualquer ressentimento.

 


4 ideias para conseguir emprego

Dicas para arranjar emprego

1. Ter objetivos bem definidos e algumas alternativas

No momento que inicia a sua procura, deve refletir com o propósito de definir o rumo que pretende dar à sua carreira profissional. Sugerimos que se questione relativamente às suas motivações profissionais e às áreas em que gostaria de trabalhar.

Aceita um part-time ou prefere empregos a tempo inteiro (full-time)? Pondera sair da zona de residência? Pretende dar resposta às entidades recrutadoras com base no salário que lhe oferecem? Sabe exprimir os seus pontos fortes e fracos, no que concerne às suas competências e/ou tarefas, caso lhos questionem?

Os pontos supracitados são apenas alguns dos que lhe podem ajudar a perceber qual o seu verdadeiro objetivo e, claro, a definir parâmetros de seleção para as ofertas. Escusado será dizer que, quanto melhor souber o que realmente pretende, maior será a probabilidade de encontrar o emprego que deseja, de forma rápida.

Paralelamente a estas reflexões, já pensou na possibilidade de iniciar um trabalho como freelancer, ou de se dedicar a obter formação em determinada área, por exemplo?

 

2. Fazer uma boa gestão do seu tempo

São várias as pessoas que defendem não ser necessário passar horas a fio, em frente ao computador, a enviar candidaturas para encontrar emprego. Para isso, convém que saiba exatamente a que ofertas e empresas pretende responder/candidatar-se. Antes de iniciar este processo, faça uma pré-seleção de todas as ofertas que lhe interessam verdadeiramente pois, desta forma, evitará perder tempo a analisar propostas não adequadas ou que não encaixam nos parâmetros que definiu precedentemente. Organize o seu dia de forma a conseguir obter tempo para outras díspares atividades formativas e/ou sociais, que o ajudarão a criar redes de contactos e a aliviar a ansiedade adjacente a esta fase da sua vida.

 

3. Manter o currículo atualizado e adaptá-lo, caso necessário

Se há algo que deve manter atualizado é o seu currículo, porque se este estiver bem elaborado será, de certo, meio caminho andado para poder destacar-se, perante os recrutadores. Seja cuidadoso e seletivo no que respeita à informação que o compõe, evitando enviar um documento extenso e inadequado à função a que se pretende candidatar.

Esteja também atento se o anúncio ou a empresa ofertante faz referência ao tipo de currículo que os candidatos devem enviar. Quando isto acontece, o comum é exigirem o modelo Europass que é facilmente preenchido (aqui) online. No caso de não haver qualquer tipo de referência a este tema, a Filipengine recomenda-o a ser o mais criativo possível, podendo elaborar currículos em formato de vídeo, maquete, ou até mesmo utilizando algumas ferramentas já existentes para tal, como o Canva, por exemplo. Mais uma vez, o fator criatividade fará com que se destaque positivamente, perante os outros candidatos.

 

4. Prepare a sua entrevista de emprego

Um dos momentos que mais atormenta qualquer pessoa, quando em vias de arranjar emprego, é a entrevista. Mas, se está a candidatar-se a algum cargo, certamente deseja que o telefone toque, para que agendem um encontro consigo.
Prepare-se para a entrevista. Analise todas as possíveis questões que lhe podem colocar preparando, cuidadosamente, as devidas respostas. E, claro, para precaver eventuais “congelamentos” e embaraços, faça uma pesquisa profunda sobre a empresa. Aquando o telefonema, saia da sua zona de conforto.

Para que tudo dê certo, recomendamos ainda a que crie uma rede de contactos (presenciais e online), faça ligações pertinentes no LinkedIn (caso não tenha, crie um) e invista em si e na sua formação.

Não se esqueça: para encontrar emprego rápido, foque-se nos seus objetivos e direcione as suas candidaturas. As redes de contactos também poderão ser uma excelente ajuda. Em breve terá notícias e aquele emprego que tanto deseja!

 

Sobre o autor

CEO and Software Developer at Filipengine - Sistemas de Informação and Software Developer at Altice Labs.

Comentar